Um remédio chamado solidariedade

Reflexão

Há alguns anos, quando o nosso apartamento teve parte destruída no segundo piso por um incêndio, o prejuízo foi grande, mas diluído na SOLIDARIEADE e GENEROSIDADE de muitos amigos. O local, que abrigava todo o enxoval de cama, mesa e banho, foi praticamente substituído em menos de 48 horas com presentes dos meus amigos. Lembro, nitidamente, de cada pessoa, de cada caixa que chegava e os mais lindos cartões para nos tirar da TRISTEZA.
Qualquer perda é sempre muito difícil de aceitar, por mais desapegado que o ser humano possa ser. Mas, quando recebemos apoio e carinho, a cicatrização é mais rápida. A SOLIDARIEDADE é realmente o AMOR em movimento. É a essência de cada um se mostrando para o outro.
Na última segunda-feira, bem próximo ao nosso apartamento, mais uma família foi vítima e surpreendida com a destruição de seu abrigo para viver pelo fogo, pegando TUDO. Mas, com um agravante bem PIOR: a morte de uma criança de 4 anos. Posso imaginar as cabeças dos que ficaram e as dificuldades de reconstituição. Mas, o meu registro tem por finalidade APLAUDIR as pessoas que criaram grupos nas redes sociais para ajudar. Isso é LINDO! SOLIDARIEDADE é um remédio que não se encontra para comprar. É uma doação espontânea, que floresce no coração humano. Vamos participar, sempre é possível doar algo. Entre nesta corrente. DEUS há de lhe dar em dose tripla. E desde já agradeço.
Neste momento, eles precisam de roupas (tamanhos P e M, de adulto, e sete anos), sapatos (37, feminino, e 29, de criança, menino), roupas de cama e banho. As doações podem ser entregues na Padaria Moinho (Joaquim Lyrio), na Praia do Canto. Imagem de Michal Jarmoluk por Pixabay 

COMPARTILHE:
Faça seu login e comente essa matéria