Um crime sem punição

Política

É impossível passar pela ENSEADA DO SUÁ, um dos lugares mais nobres da cidade, e não se revoltar vendo mais de meio bilhão de reais dos cofres públicos em total abandono. As obras no CAIS DAS ARTES, iniciadas pelo ex-governador PAULO HARTUNG, viraram um mausoléu de cimento e ferro enferrujado.
O que impressiona é a IMPUNIDADE para um crime de tamanha dimensão, com tantos milhões jogados no LIXO. E engraçado é imaginar que este senhor, ainda assim, tenta dar palpites sobre o futuro do Brasil, na necessidade de mudanças, como se ele tivesse nas mãos a cartilha que faria o País virar uma grande potência. Só pelo crime que está ali, para qualquer um constatar, não merece nenhuma credibilidade. Se fosse outra pessoa, no mínimo estaria respondendo um processo ou talvez passando dias na prisão.
Na placa que ainda está lá, a obra era para ser concluída em 540 dias. O Instituto dos Arquitetos do Brasil adesivou por cima o pedido de conclusão das obras. O que experts garantem que é quase IMPOSSÍVEL.

COMPARTILHE:
Faça seu login e comente essa matéria