Multirão de vacinação

Saúde

Nesta sexta-feira (1º) e sábado (02), os municípios do Estado pactuaram, entre a Secretaria da Saúde (Sesa) e as secretarias municipais de Saúde das 78 cidades capixabas, a realização de um novo mutirão de vacinação contra a Covid-19 vinculado aos grupos infantil e de idosos. A expectativa, segundo levantamento das Superintendências Regionais de Saúde Norte, Sul, Central e Metropolitana, é que mais de 50 mil doses sejam aplicadas.
De acordo com o subsecretário de Estado de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin, a semana, assim como os dois dias de mutirão, serão cruciais para que o Estado possa chegar às coberturas estimadas ao alcance do Risco Muito Baixo em todo o território capixaba. “Na última semana faltavam menos de 17 mil doses a serem aplicadas e é muito possível que alcancemos esses dados a partir desta semana."
No Espírito Santo, até ontem, dia 29, 110.229 idosos de 60 anos ou mais se encontram com esquema em atraso para receber a primeira dose de reforço. Além disso, cerca de 500 mil idosos já estão aptos a receber a segunda dose de reforço. Quanto ao público infantil de cinco a 11 anos, o Estado tem uma cobertura de 44% em primeira dose (D1) e de 13% de segunda dose (D2), e já conta com pouco mais 50 mil esquemas em atrasos para receber a D2.
Vacinação conjunta contra Covid-19 e contra a gripe para os idosos - Além da atualização vacinal dos mais de 110 mil idosos que ainda precisam completar o esquema com três doses, isso é, com a primeira dose de reforço, os municípios também poderão ofertar de forma concomitante a vacina contra a gripe neste grupo prioritário. “Desde setembro do ano passado, o Ministério da Saúde já havia autorizado a vacinação da Covid-19 concomitante a outros imunizantes como uma forma de oportunizar a ida da população às Unidades de Saúde. A gente brinca que os idosos terão uma grande oportunidade com o início da Campanha de Vacinação contra a Influenza este ano, tomar uma e leva duas”, explicou Luiz Carlos Reblin.

COMPARTILHE:




Faça seu login e comente essa matéria