A máfia dos guinchos voltou?

Política

Parece que sim! Acontece uma coisa INEXPLICLÁVEL aqui na Ilha. De repente, começaram a proibir a circulação de SCOOTERS ELÉTRICAS, meio de transporte que não precisa de combustível e vinha facilitando a vida de muitas pessoas para trabalhar e ajudando na tão perseguida melhora na mobilidade urbana. Agora, só é possível circular no bairro onde a pessoa reside, em nenhuma via pública de movimento. Entendeu? Nem eu!
Ocorre que a situação fica pior quando guardas municipais fazem apreensão da scooter, alegando a proibição, ao invés de advertência, dizem que não pode rodar nas vias e nem mesmo nas calçadas e quando questionados de o que fazer para legalizar a circulação, eles dizem que não há nada a ser feito, que não pode emplacar, e colocam no guincho.
Mas, como fazem a apreensão? Pela lógica, é totalmente irregular, uma vez que não há emplacamento e seria o mesmo que apreender bicicletas; o que não é feito mesmo com aqueles que andam a zilhões, provocando acidentes. Pois eles levam, obrigando o dono a simplesmente ir buscar e pagar uma taxa de guincho e diárias. Que falta faz ENIVALDOS ANJOS como deputado estadual, que acabou, tempos atrás, com a farra dos guinchos! Esperamos que algum deputado corajoso decida defender os cidadãos desse absurdo. Imagem de Clker-Free-Vector-Images por Pixabay 

COMPARTILHE:




Faça seu login e comente essa matéria