Rose ganha mais uma

Política

A senadora ROSE DE FREITAS ganhou mais uma, ontem, no Senado, a favor do trabalhador. Ela conseguiu aprovar o Projeto de Lei de Conversão (PLV) 31, em substituição à medida provisória (MP) 946/20, que altera as regras do FGTS. O pleito para o trabalhador que pedir demissão poder sacar o FGTS, que é uma luta antiga da senadora, agora vai para a Câmara dos Deputados. 
Fica estipulado que, mesmo pedindo demissão do emprego, ele poderá sacar até R$ 1.045, que corresponde a um salário mínimo. Disse a senadora: "É um direito, afinal, o FGTS é do trabalhador!” Foto Moreira Mariz/Agência Senado

COMPARTILHE:




Faça seu login e comente essa matéria