Café melhora Alzheimer

Saúde

Rufem os tambores e soltem fogos de artifícios porque uma pesquisa desenvolvida pela UVV, desde 2020, comprovou que o CAFÉ CONILLON, produzido em terras capixabas, que contém “ácidos cloro gênicos”, uma substância que consegue reduzir, por exemplo, o colesterol, melhora a qualidade de vida de pessoas com ALZHEIMER.
Durante 90 dias de testes, os pacientes consumiram, no mínimo, duas xícaras de 200 ml do café, diariamente, e o resultado foi surpreendente: houve melhora significativa na cognição e, além disso, redução significativa do estresse oxidativo deles, indicando os efeitos benéficos deste café.
Hoje, o Brasil tem em média 1,3 milhão de pessoas afetadas pelo ALZHEIMER e a cada ano há a previsão de um acréscimo de 100 mil pessoas. No mundo, são mais de 50 milhões e previsão que em 2030 beire 80 milhões de pessoas.
A maravilhosa notícia deve ser comemorada ainda mais pelo capixaba JAIR COSER, um dos maiores exportadores de café do mundo, e por algumas vezes o MAIOR. Se hoje é um MILIONÁRIO, se confirmado, chegará ao TRILHÃO em suas contas. Para nós, dois bons motivos de festejar: a melhora dos pacientes com uma doença tão triste e o avanço na fortuna de um capixaba que merece o melhor do mundo.

COMPARTILHE:


Faça seu login e comente essa matéria