E o salário, óóóó...

Economia

A 3ª edição da pesquisa “Hábitos e Impactos da Saúde Financeira dos Trabalhadores”, encomendada pelas fintechs Zetra e SalaryFits, em parceria com a On The Go, restech de pesquisa de mercado, revelou que 63% dos trabalhadores com carteira assinada em empresas não possuem dinheiro suficiente para cobrir suas despesas básicas. 
Ela também mostra um problema de falta de planejamento financeiro em altos escalões: 55% daqueles que pertencem a famílias cuja renda está acima de 20 salários mínimos, o equivalente a R$ 26.040 - os chamados da classe A - são os que mais enfrentam dificuldades para chegar ao fim do mês com dinheiro no bolso.
Realmente, com os preços altíssimos de tudo, viver com um salário mínimo um mês inteiro, honrando as contas, é quase um milagre. Mas, quem tem renda acima de R$ 25 mil e não consegue é parte do povo que vive no modo "se enagana que eu gosto", que, para manter a pose, prefere virar devedor do condomínio, da luz. Eu, hein! Como diria o saudoso Sérgio Caseira: "Sacratíssimo coração de Jesus". Foto/ Freepik

COMPARTILHE:


Faça seu login e comente essa matéria